SECA E SALINIDADE NA RESPOSTA ANTIOXIDATIVA DE RAÍZES DE FEIJÃO CAUPI

Josemir Moura Maia, Cristiane Elizabeth Costa de Macêdo, Joaquim Albenísio Gomes da Silveira, Anselmo Ferreira da Silva, Emannuella Hayanna Alves de Lira, Alberto Soares de Melo, Carlos Henrique Salvino Gadelha Meneses

Resumo


A seca, a salinidade no solo são fatores ambientais que limitam o crescimento vegetal e a produtividade agrícola. No entanto, as plantas se aclimatam a esses estresses abióticos utilizando diversos sistemas de defesa fisiológicos. A comunidade científica vem a cada dia aumentando o interesse pelas respostas fisiológicas das plantas a condições de estresses ambientais, devido ao fato de muitos dos mecanismos utilizados, ainda não serem completamente compreendidos. Uma vez entendidas, as estratégias de reação aos estresses ambientais poderão ser utilizadas como ferramentas nos programas de melhoramento vegetal, para a produção de plantas economicamente importantes, que sejam mais resistentes a esses fatores. Considerando assim o estudo dos mecanismos envolvidos na defesa de plantas, em especial o feijão caupi aos estresses salino e seca, buscou-se reunir nessa revisão informações relevantes que possam nortear o desenvolvimento de pesquisas sobre a defesa bioquímica/metabólica de plantas aos estresses abióticos em questão.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.