Políticas Editoriais

Foco e Escopo

A Qualitas é uma revista eletrônica Quadrimestral, de acesso gratuito, editada pela Universidade Estadual da Paraíba. Tem como missão fomentar a produção e a disseminação de conhecimento em Administração, Ciências Contábeis, Serviço Social e Planejamento Urbano e Regional/Demografia. Oferece artigos científicos, examinando as questões mais diversas com profundidade e senso crítico, trazendo sempre uma visão pragmática e científica dos assuntos relacionados às Ciências Sociais Aplicadas, caracteriza-se como uma revista multidisciplinar. A QUALITAS aceita artigos de autores nacionais ou do exterior referentes a problemas nacionais ou internacionais, escritos em português, inglês ou espanhol.

 

Políticas de Seção

Editorial

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Artigos

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Trabalhos Técnicos

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Edição Especial: "Política e Gestão de Ciência, Tecnologia e Inovação"

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares
 

Processo de Avaliação pelos Pares

O processo editorial da QUALITAS ocorre em 3 etapas eliminatórias, descritas a seguir: 1. Na primeira etapa o artigo recebido é analisado pelo Editor-Chefe e na sequência pelo Editor da Seção para a qual o artigo foi submetido para revisão de admissão (desk review). Os editores podem eventualmente solicitar um parecer às cegas dupla de um membro do Corpo Editorial Científico (especializado na área do artigo) para apoiar sua decisão. Nesse processo, os editores se certificarão de que o artigo cumpre os requisitos básicos para ser acolhido no processo editorial: - Relevância científica; - grau expressivo de contribuição teórica e/ou metodológica para a área de conhecimento; - Ineditismo; - correção da linguagem; - Boa apresentação geral; - Lista de referências bibliográficas que represente o estado da arte na temática tratada e abranja necessariamente os artigos publicados nos últimos cinco anos na academia brasileira e internacional; - Adequabilidade à política editorial e da seção para a qual foi submetido. Artigos que não estejam de acordo com esses requisitos básicos ou com os critérios e características técnicas exigidas pela QUALITAS (veja política editorial, políticas das seções temáticas e orientações aos autores) serão rejeitados pelo Editor-Chefe ou pelo Editor de Seção. 2. A segunda etapa corresponde à avaliação anônima dos artigos encaminhados para publicação pelo sistema de avaliação às cegas dupla. Os artigos serão encaminhados pelos Editores de Seção a avaliadores ad hoc, escolhidos a partir de suas áreas de especialização, disponibilidades e cujas afiliações sejam de estados diferentes dos estados dos autores. Os Editores de Seção coordenam essa fase do processo editorial. Os artigos aprovados serão encaminhados ao Editor-Chefe com sugestão para sua publicação. Os Editores de Seção podem eventualmente solicitar um parecer às cegas dupla de um membro do Corpo Editorial Científico (especializado na área do artigo) para apoiar sua decisão. 3. Na terceira etapa do processo de avaliação o Editor-Chefe toma a decisão final sobre a publicação. Eventualmente o Editor-Chefe pode solicitar a um membro do Comitê Editorial Científico que valide em um processo de avaliação às cegas dupla as etapas anteriores. Nesse caso, o artigo aprovado na fase anterior e os respectivos pareceres dos avaliadores ad hoc (não identificados) são encaminhados ao um membro do Comitê Editorial Científico (especializado na área do artigo) para análise e validação. Os artigos aprovados são apresentados e recomendados para publicação ao Editor-Chefe pelo membro do Comitê Editorial Científico. As atividades do processo editorial se pautam pelas diretrizes do documento Boas Práticas da Publicação Científica da ANPAD – Associação Nacional de Pós-Graduação em Administração. Os critérios utilizados para avaliação dos artigos são os seguintes: TÍTULO Título reflete com precisão o que se pretendeu com o artigo INTRODUÇÃO · Possui o enunciado do problema de pesquisa · Apresenta as justificativas para a realização do estudo · Relata pesquisas anteriores relevantes que permitiram a contextualização do estudo · Apresenta diferenças em relação aos outros estudos já publicados · Deixa claro o que está sendo respondido (objetivo) · Promove avanços do conhecimento sobre o que está sendo estudado · No caso de estudo empírico, apresenta as proposições ou hipóteses que estão sendo criadas, redefinidas ou acrescentadas · Apresenta claramente o design de pesquisa, no caso de pesquisa empírica · Apresenta argumentos que destacam as razões da relevância do estudo · Aponta claramente o que é conhecido e o que não é conhecido · O tema é atual, envolve criatividade e ineditismo na abordagem FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA · Reflete o estado da arte do que está sendo investigado · Proporciona suporte convincente para o conhecimento científico relativo ao tema abordado · Apresenta relações causais lógicas ou empíricas ao se estabelecer proposições ou hipóteses · A revisão da literatura deixa explícita quais foram as bases utilizadas · A revisão da literatura inclui estudos com no máximo 5 anos de defasagem em relação à data da submissão · Identifica-se no estudo uma "conversa" crítica entre os autores citados · Se o estudo é um ensaio teórico, há uma tese formulada no seu início · Os argumentos utilizados no ensaio teórico suportam a tese inicial · O ensaio teórico traz contribuição científica relevante MÉTODO – ANÁLISE · Descrição clara do método - abrangente, objetivo · Método adequado ao problema de pesquisa · Análise adequada ao método · Análise realizada com profundidade DISCUSSÃO - CONCLUSÃO · Os achados questionam os achados de outros estudos · Os resultados possuem conexão direta com o que foi exposto na Introdução · A discussão mostra argumentos convincentes do avanço alcançado na área de conhecimento estudada · As conclusões consideram que o efeito do tempo é um fator de alteração dos resultados. Isto é, os resultados têm validade futura · A conclusão reafirma a importância do estudo e é convincente na justificação do preenchimento da lacuna identificada · Não apresenta resultados empíricos ou lógicos desconectados dos objetivos LIMITAÇÕES - ESTUDOS FUTUROS · O estudo deixa explícitas quais foram as limitações · O estudo apresenta considerações sobre estudos futuros

 

Periodicidade

A partir de 2015, a Qualitas Revista Eletrônica terá periodicidade Quadrimestral.

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

 

Arquivamento

Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração. Saiba mais...

 

Normas para Publicação

Ainda, de acordo com a NBR 6022 (ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS, 2003), a publicação deve ser constituída por:

a) Elementos pré-textuais Título e subtítulo (se houver): devem figurar na página de abertura do texto, separados por dois-pontos e na língua do texto. Resumo na língua do texto: deve ser apresentado na terceira pessoa do singular, na voz ativa e redigido em um único parágrafo, com extensão de 100 a 250 palavras. Deve conter: o contexto, o objetivo e a metodologia e os principais resultados do estudo.

Palavras-chave na língua do texto: palavras que representam os principais assuntos tratados no texto (entre 3 a 5 palavras); devem figurar logo abaixo do resumo, antecedidas da expressão Palavras-chave:, separadas entre si por ponto e finalizadas também por ponto. Observação: informações sobre o(s) Nome(s) do(s) autor(es), acompanhado(s) da titulação do(s) autor(es), local de trabalho, endereço postal completo, função que exerce(m) e e-mail não devem ser colocadas no texto, mas sim devem ser postadas completas no cadastro dos autores.

b) Elementos textuais Introdução: apresenta a delimitação do assunto, objetivos da pesquisa e outros elementos sobre o tema explanado. Desenvolvimento: parte principal do texto, que apresenta de forma ordenada o assunto tratado. Pode ser dividido em seções e subseções, de acordo com o tema abordado. Conclusão: aborda os resultados da pesquisa de forma a responder às questões apresentadas na introdução; usa-se como título a palavra Conclusão.

c) Elementos pós-textuais Título e subtítulo (se houver), em língua estrangeira. Resumo em língua estrangeira: versão do resumo na língua do texto para o idioma de divulgação internacional, utilizando as mesmas características (em inglês Abstract, em espanhol Resumen, em francês Résumé).

Palavras-chave em língua estrangeira: versão na língua do texto para a mesma língua estrangeira do resumo (em inglês Keywords, em espanhol Palabras clave, em francês Mots-clés). Nota(s) explicativa(s): deve(m) ser utilizada(s) apenas para comentários e/ou explicações que não possam ser incluídas no texto, não para referências. Precisa(m) ser elaborada(s), ao final do artigo, antecedendo a lista de referências, numeradas sequencialmente.

Referências: devem ser colocadas ao final do trabalho, classificadas em ordem alfabética pelo sobrenome do autor, com alinhamento à margem esquerda, entrelinhas simples e espaçamento duplo entre elas, observando-se a NBR 6023 (ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS, 2002).

Para as citações, deve ser observada a NBR 10520 (ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS, 2002). As palavras em língua estrangeira devem estar em itálico.

2. FORMATAÇÕES

- Número de páginas: máximo de 20; A numeração deve ser seqüencial, a partir da segunda página, em algarismos arábicos, no canto superior direito, sem traços, pontos ou parênteses.

- Formato: A4;

- Margens: inferior e direita de 2 cm, esquerda e superior de 3 cm;

- Fonte: Times New Roman, corpo 12, espaçamento igual a 1,5 para o texto e títulos, e espaçamento 1 para resumo e abstract; títulos do resumo e abstract em maiúsculo, negrito, centralizado.

- Título principal: maiúsculo, negrito, centralizado, em português, inglês(obrigatórios). 

Subtítulos: seguir padrão da revista e, nos casos não especificados, as normas ABNT para formatação e numeração utilizadas pela revista.

Por padrão, não são numerados Introdução e Considerações Finais

3. Resolução das ilustrações: 

- 300dpi para imagens (fotos e afins)

- 900dpi para desenhos (quadros, gráficos, esquemas ou outro tipo de ilustração feito em ferramenta de desenho)

Ilustrações: Devem ser inseridas no corpo do texto e também enviadas em arquivos separados, em JPG, nas resoluções exigidas. Outros aspectos não informados, utilizar NBR 6023 para ilustrações.

Tabelas seguem as recomendações da Fundação IBGE/ABNT e devem ser inseridas no texto e abertas à edição. Não necessitam ser enviadas, apenas devem ser inseridas no texto, abertas à edição. 


 

Critérios de Avaliação

1. Tema (atual e relevante)

2. Objetivos (claros e bem definidos)

3. Revisão de literatura (reflete o estado-da-arte do conhecimento na área)

4. Consistência conceitual ou teórica do trabalho (adequada e bem estruturada)

5. Método de pesquisa utilizado (claramente definido e consistente com os objetivos do trabalho)

6. Análise de dados e resultados (interpretação correta dos dados e articulada com a base teórica)

7. Conclusões (fundamentadas nos dados da pesquisa, claras e objetivas)

8. Contribuição científica (para o conhecimento na área temática)

9. Redação e organização do texto (ortografia, gramática, clareza, objetividade e estrutura formal)