A CONTABILIDADE INTERNACIONAL E A CONVERGÊNCIA ÀS NORMAS INTERNACIONAIS DE CONTABILIDADE DO IASB

ORLEANS SILVA MARTINS

Resumo


O objetivo deste estudo é destacar as necessidades e vantagens de se ter um conjunto de normas contábeis padronizado, analisando como os órgãos e os organismos de regulamentação da profissão contábil podem contribuir para este processo, destacando o senso comum existente entre esses organismos sobre a adoção dos padrões internacionais criados pelo IASB, evidenciando a posição e situação do Brasil e do mercado que o cerca diante desse processo. A metodologia utilizada foi a da pesquisa aplicada com objetivo exploratório, natureza objetiva e, forma de estudo bibliográfico. Os resultados esperados são a evidenciação das principais necessidades e vantagens de se ter um conjunto de normas contábeis padronizadas e, o conhecimento da posição dos principais países do mundo, inclusive o Brasil, em relação à adoção dos padrões criados pelo IASB. Em suma, concluiu-se que o mercado financeiro globalizado no qual se encontram as organizações exige, a cada dia mais, que suas demonstrações financeiras tenham um padrão único, principalmente as das multinacionais, visando facilitar a interpretação das informações nelas contidas, destacando-se frente a este processo o IASB, órgão internacional regulamentador da profissão contábil composto por integrantes de vários países e, principal candidato a dirigente do processo.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18391/qualitas.v7i2.151

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Qualitas Revista Eletrônica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

Qualitas Revista Eletrônica

Campina Grande - PB

ISSN - 1677-4280

Digital Object Identifier (DOI): 10.18391