A importância da profissionalização da contabilidade e dos sistemas de informação nas entidades do terceiro setor

Marcus Vinícius Américo dos Reis, Carlos Alberto Grespan Bonacim, Julio Araújo Carneiro da Cunha

Resumo


O presente trabalho analisou o comportamento da contabilidade nas entidades do terceiro setor, especificamente nas fundações. Como metodologia, realizou-se, além da pesquisa bibliográfica, um estudo de caso em uma organização de saúde do Terceiro Setor. O estudo de caso ocorreu por meio de entrevistas e análises de relatórios confidenciais de uma empresa procurando evidenciar as informações obtidas. Foram examinados os procedimentos contábeis adotados, demonstrando que como as entidades privadas prestam contas a seus sócios e acionistas, as entidades públicas devem mensurar o retorno que trazem para a sociedade. Por isso é fundamental o papel exercido pelos contabilistas nestas entidades, buscando sempre a melhor forma de evidenciação das informações geradas, mesmo com a falta de políticas duradouras e inovadores para as fundações.

Palavras-chave: terceiro setor, fundação, contabilidade, entidade sem fins-lucrativos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18391/qualitas.v9i1.395

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Qualitas Revista Eletrônica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

Qualitas Revista Eletrônica

Campina Grande - PB

ISSN - 1677-4280

Digital Object Identifier (DOI): 10.18391