UM ESTUDO SOBRE A ATUAÇÃO DE CENTROS DE ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO – CAEES

Autores

  • Kátia Cristina Monteiro Dias Universidade Federal Rural de Pernambuco
  • Liliane Aparecida da Silva Santos UFPE

Palavras-chave:

deficientes; educação inclusiva; professores.

Resumo

Este estudo tem como objetivo investigar a atuação dos Centros de Atendimento Educacional Especializado (CAEEs) e a visão dos professores que atuam nesses centros. Na metodologia explanou-se a coleta de dados realizada através de aplicação de questionário virtual, direcionado para gestores e professores de CAEEs, de todas as regiões do Brasil. Os resultados apontaram que os centros atuam com diversos tipos de deficiência, entre elas transtorno do espectro autista e transtorno global do desenvolvimento. Constatou-se que o trabalho do professor de AEE relaciona estratégias psicopedagógicas que atendem as peculiaridades dos deficientes, e, entre as principais dificuldades para atuação, os docentes destacam a escassez de recursos, capacitação profissional descontinuada e ausência dos familiares no processo de ensino aprendizagem dos alunos. As políticas públicas na perspectiva da educação inclusiva devem ser praticadas num trabalho conjunto que objetive avanços na inclusão dos deficientes.

Biografia do Autor

Kátia Cristina Monteiro Dias, Universidade Federal Rural de Pernambuco

Bacharel em Administração Pública pela Universidade Federal Rural de Pernambuco 

Referências

Amorim, J. M.; Penalva, A. M. (2017). Os desafios da inclusão escolar no ensino regular público de Barra do Garças – MT: algumas considerações. TCC (Graduação) - Curso de Letras, Universidade Federal de Mato Grosso, Pontal do Araguaia. Disponível em: https://monografias.brasilescola.uol.com.br/educacao/os-desafios-inclusao-escolar-no-ensino-regular-publico-barra.htm. Acesso em: 26 mar. 2020.

APAE. (2020). O que fazemos. Disponível em: https://apae.com.br/. Acesso em: 29 jun. 2020.

Baia, I. F.; Lacerda, O. C. (2015). O atendimento educacional especializado e as práticas educativas na perspectiva da inclusão na Escola Maria Rafols de Breves - PA. Monografia (Especialização) - Curso de Especialização em Educação Especial e Inclusiva, Instituto Superior de Educação Ateneu, Breves - PA, 2015. Disponível em: https://monografias.brasilescola.uol.com.br/educacao/o-atendimento-educacional-especializado-as-praticas-educativas-na-perspectiva-da-inclusao.htm. Acesso em: 26 mar. 2020.

Brasil. (1988). Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Brasília, DF: Presidência da República. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm. Acesso em: 26 mar. 2020.

Brasil. (1990). Decreto nº 99.710, de 21 de novembro de 1990. Institui no âmbito do Estado de Pernambuco a Política Estadual da Pessoa com Deficiência. [S. l.], 21 nov. 1990. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/1990-1994/D99710.htm. Acesso em: 9 abr. 2020.

Brasil. (2000). Lei nº 10.098, de 19 de dezembro de 2000. Estabelece normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade das pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida, e dá outras providências. [S. l.], 19 dez. 2000. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L10098.htm. Acesso em: 26 mar. 2020.

Brasil. (2008). Ministério da Educação. Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. 2008. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/arquivos/pdf/politicaeducespecial.pdf. Acesso em: 14 abr. 2020.

Brasil. (2009). Decreto nº 6.949, de 25 de agosto de 2009. Promulga a Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência e seu Protocolo Facultativo, assinados em Nova York, em 30 de março de 2007. [S. l.], 25 ago. 2009. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2009/decreto/d6949.htm. Acesso em: 2 abr. 2020.

Brasil. (2009). Resolução nº 4, de 2 de outubro de 2009. Institui Diretrizes Operacionais para o Atendimento Educacional Especializado na Educação Básica, modalidade Educação Especial. [S. l.], 2 out. 2009. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/dmdocuments/rceb004_09.pdf. Acesso em: 10 abr. 2020.

Brasil. (2011). Decreto nº 7.611, de 17 de novembro de 2011. Dispõe sobre a educação especial, o atendimento educacional especializado e dá outras providências. [S. l.], 17 nov. 2011. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2011/decreto/d7611.htm Acesso em: 5 abr. 2020.

Brasil. (2015). Lei nº 13.146, de 6 de julho de 2015. Institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). [S. l.], 6 jul. 2015. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2015/lei/l13146.htm. Acesso em: 29 mar. 2020.

Brasil. (2020). Ministério da Educação. Secretaria de Modalidades Especializadas de Educação. Diretoria de Educação Especial. Brasilia, 22 abr. 2020. Disponível em: https://www.gov.br/mec/pt-br/acesso-a-informacao/institucional/secretarias/secretaria-de-modalidades-especializadas-de-educacao?fbclid=IwAR0qkW15xL2Mr9ugPVhCm4Ao5wZUBFo45t2V0gkJzpkfvsXN7wPgvx7_Juo. Acesso em: 26 jun. 2020.

Faleiros, F. et al. (2016). Uso de questionário online e divulgação virtual como estratégia de coleta de dados em estudos científicos. Texto contexto - enferm., Florianópolis, v. 25, n. 4, e3880014, 2016. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-07072016000400304&lng=en&nrm=iso. Acesso em 20 mai. 2020.

Ferreira, M. F. M.; Vicenti, T. (2017). O processo de inclusão do aluno deficiente no ensino regular público na última década no Brasil. 2017. Disponível em: http://www.uniedu.sed.sc.gov.br/wp-content/uploads/2017/02/Maria-de-Fatima-Matos-Ferreira.pdf Acesso em: 28 mar. 2020.

Gil, A. C. (2002). Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

Gil, A. C. (2008). Métodos e técnicas de pesquisa social. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

Glat. R. (2007). Educação Inclusiva: cultura e cotidiano escolar. Rosana Glat (organização). – Rio de Janeiro: 7Letras, 2007. Disponível em: https://books.google.com.br/books?id=LduRS34UuWgC&printsec=frontcover&hl=pt-BR&source=gbs_ge_summary_r&cad=0#v=onepage&q&f=false. Acesso em: 9 abr. 2020.

Mantoan. M. T. E. (2003). Inclusão escolar: o que é? por quê? como fazer? São Paulo: Moderna, 2003. (Coleção cotidiano escolar). Disponível em: https://files.cercomp.ufg.br/weby/up/211/o/INCLUS%C3%83O-ESCOLARMaria-Teresa-Egl%C3%A9r-Mantoan-Inclus%C3%A3o-Escolar.pdf?1473202907. Acesso em: 9 abr. 2020.

Nunes, A. P. P.; Negocio, P. A. F. (2015). A importância e o papel do Atendimento Educacional Especializado (AEE) e do auxiliar na educação de crianças com deficiência. In: Seminário Potiguar: Educação, diversidade e acessibilidade – Uma questão de efetivação de direitos. 2., 2015, Mossoró - RN. Anais [...], Mossoró-RN: UERN, 2015. p. 1 - 12. Disponível em: http://www.uern.br/controledepaginas/edicao-atual-/arquivos/36784_artigo_ii_semina%C2%A1rio_potiguar_(polianny_e_anna_paula).pdf. Acesso em: 27 mar. 2020.

ONU. (1994). Declaração de Salamanca: sobre princípios, políticas e práticas na área das necessidades educativas especiais. 1994. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seesp/arquivos/pdf/salamanca.pdf. Acesso em: 10 abr. 2020.

OPAS Brasil. (2020). Folha informativa – COVID-19 (doença causada pelo novo coronavírus). Brasília, 3 jul. 2020. Disponível em: https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=6101:covid19&Itemid=875. Acesso em: 20 maio 2020.

Pernambuco. (2012). Lei nº 14.789, de 1 de outubro de 2012. Institui no âmbito do Estado de Pernambuco a Política Estadual da Pessoa com Deficiência. [S. l.], 1 out. 2012. Disponível em: http://legis.alepe.pe.gov.br/Paginas/texto.aspx?id=3482&tipo=TEXTOATUALIZADO. Acesso em: 2 abr. 2020.

Prodanov, C. C.; Freitas, E. C. (2013). Metodologia do trabalho científico [recurso eletrônico]: métodos e técnicas da pesquisa e do trabalho acadêmico. 2. ed. Novo Hamburgo: Feevale, 2013.

Sousa, C. M. M.; Silva, M. I. (2013). O atendimento educacional especializado do Centro da Organização Papel Marchê de Campina Grande/PB. In: Jornada Internacional de Políticas Públicas. 6, 2013, São Luís - MA. Anais [...]. São Luís - MA: UFMA, 2013. p. 1 - 10. Disponível em: http://www.joinpp.ufma.br/jornadas/joinpp2013/JornadaEixo2013/anais-eixo15-impassesedesafiosdaspoliticasdeeducacao/oatendimentoeducacionalespecializadodocentrodaorganizacao.pdf Acesso em: 27 mar. 2020.

UNICEF. (1990). Convenção sobre os Direitos da Criança. Disponível em: https://www.unicef.org/brazil/convencao-sobre-os-direitos-da-crianca. Acesso em: 12 abr. 2020.

Downloads

Publicado

2022-06-28