OS FENÔMENOS RELIGIOSOS COMO EXPRESSÃO DA DIMENSÃO CULTURAL DO SER HUMANO: CONTRIBUIÇÕES DO ENSINO RELIGIOSO NO AMBIENTE ESCOLAR

Autores

  • Fagner Veloso da Silva Universidade Federal da Paraíba
  • Karla Alexandra Dantas Freitas Estrela Universidade Federal de Pernambuco
  • Gislayne Aparecida Barbosa Miranda Universidade Estadual da Paraíba

Palavras-chave:

Ensino Religioso; Fenômenos Religiosos; Dimensões Religiosas; Escola.

Resumo

Este artigo é resultado de uma pesquisa bibliográfica, de natureza qualitativa, efetivada por uma abordagem hermenêutico-filosófica rigorosa. Nossa metodologia consistiu na análise, problematização e interpretação de alguns textos referenciados na bibliografia, mas principalmente, nos debruçamos sobre o capítulo três do livro Fundamentos do Ensino Religioso, de Arnaldo Vicente Ferreira Sá (2015). Nosso objetivo é debater como o Ensino Religioso, enquanto área temática e disciplina curricular, pode contribuir com o processo da integração das dimensões religiosa e educacional do ser humano no ambiente escolar.

Biografia do Autor

Karla Alexandra Dantas Freitas Estrela, Universidade Federal de Pernambuco

Doutoranda do Programa de Pós Graduação em Educação da Universidade Federal de Pernambuco - UFPE

Gislayne Aparecida Barbosa Miranda , Universidade Estadual da Paraíba

Graduada e especialista em Geografia pela Universidade Estadual da Paraíba - UEPB

Referências

Brasil. Base Nacional Curricular Comum (BNCC). Ministério da Educação. Versão Final, 19/03/2019. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/download-da-bncc/. Acesso em: 10 abr. 2019.

______. LDB : Lei de diretrizes e bases da educação nacional. Brasília: Senado Federal, Coordenação de Edições Técnicas, 2017.

______. Constituição da República Federativa do Brasil: texto constitucional promulgado em 5 de outubro de 1988. Brasília: Editora Senado Federal Coordenação de Edições Técnicas, 2016.

Bosch, Juan Navarro: Para compreender o ecumenismo. São Paulo: Edições Loyola, 1995.

Eliade, Mircea. O Sagrado e o Profano: a essência das religiões. São Paulo: Editora Martins Fontes, 2018.

______. Mito y realidad. Barcelona: Editora Labor, 1991.

Nietzsche, Friedrich. Humano, demasiado humano. São Paulo: Companhia das Letras, 2000.

Freire, Paulo. Pedagogia da Autonomia: Saberes necessários à prática educativa. 38ª ed. São Paulo: Paz e terra. 2008.

Fonaper. Parâmetros Curriculares Nacionais – Ensino Religioso. São Paulo: Editora Ave Maria, 2004.

Geertz, Clifford. A interpretação das culturas. 1ª ed. Rio de Janeiro: LTC, 2008.

Marx, Karl. Escritos de Juventud. México: Fondo del Cultura Económica, 1982.

Mendonça, Antônio Gôuvea. Fenomenologia da Experiência Religiosa. In: Numen: revista de estudos e pesquisa da religião. Juiz de Fora, 1999, v. 2, n. 2, p. 65-89.

Peresson, Mario L.T. Educar desde las culturas populares. In: Cúadernos de educación y cultura. nº 4/13. Santafé de Bogotá, DC., setembro de 1994.

Sá, Arnaldo Vicente Ferreira. Fundamentos do Ensino Religioso. São Paulo. Editora Egus, 2015.

Silva, Eliane Moura da. Entre Religião, Cultura e História: a Escola Italiana das

Religiões. In: Maranhão Filho, Eduardo Meinberg de Albuquerque (Org.).

Religiões e Religiosidades em (con)textos: Conferência e mesa do Simpósio Sudeste da ABHR / Simpósio Internacional da ABHR: diversidades e (in)tolerâncias religiosas. São Paulo: Fonte Editorial, 2013.

Souza, Rodrigo. O Ensino Religioso no Brasil: Uma Abordagem Histórica a partir dos Parâmetros Curriculares Nacionais. Disponível em: Acesso em: https://docplayer.com.br/14543138-O-ensino-religioso-no-brasil-uma-abordagem-historica-a-partir-dos-parametros-curriculares-nacionais.html Acesso em: 19/03/2019

Otto, Rudolf. O sagrado: aspectos irracionais na noção do divino e sua relação com o racional. Petrópolis: Vozes, 2007.

Zilles, Urbano. Filosofia da Religião. São Paulo: Editora Paulus, 1991.

Publicado

2022-06-17