O estágio supervisionado como recurso facilitador de formação docente: desafios e reflexões em aulas de redação

La práctica supervisada como recurso facilitador de formación docente: desafíos y reflexiones en clases de redacción

Autores

Palavras-chave:

Estágio Supervisionado, Produção Escrita, Formação de professores.

Resumo

Para o curso de Letras da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), o estágio obrigatório supervisionado é essencial para o aprimoramento profissional de graduandos em sala de aula, permitindo-lhes identificar desafios existentes na realidade escolar. Nesse sentido, o presente artigo tem como objetivo apresentar um relato de experiência sobre o ensino de leitura e produção textual na turma do segundo ano do ensino médio do Colégio Universitário (COLUN). Como procedimentos metodológicos, fizemos uso de aulas expositivas-dialogadas por meio de recursos audiovisuais, sites de leituras on-line, o uso da plataforma Canva e alinhamento da sala de aula. Fundamentamo-nos nossas reflexões nos aportes teóricos de Batista (2018), Botelho (2018), Castellanos e Oliveira (1995), Freire (1996), Freitas (2016), Pinheiro et al (2014), Scalabrin e Molinari (2013) e Teixeira e Reis (2012). Os estudos concluíram a necessidade de adoção de estratégias didáticas para o ensino de redação por estagiários em sala de aula durante suas atividades de formação.

Biografia do Autor

Gustavo Nascimento Barbosa, Universidade Federal do Maranhão

É graduando em Letras- Português/ Espanhol e suas respectivas literaturas pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Foi membro do NucLi (Espanhol) do Idiomas Sem Fronteiras (IsF), ditando cursos específicos de língua espanhola para a área acadêmica da UFMA. 

Erika de Sousa Monteiro, Universidade Federal do Maranhão

Graduanda em Letras Português-Espanhol pela Universidade Federal do Maranhão. Atualmente compõe o quadro de professores voluntários do Projeto de Extensão Entretextos, que tem o objetivo de ajudar a comunidade com aulas de redação.

Marta Maria Portugal Ribeiro Parada, Universidade Federal do Maranhão

Docente do Departamento de Letras (DELER) da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) . Mestre em Literaturas Neolatinas pela Faculdade de Letras da Universidade Federal do Rio de Janeiro(UFRJ), sob a orientação da Profa Dra Claudia Heloisa Impellizieri (UFRJ 2005-2007).

Referências

BATISTA, Ana Karen Costa; DALVI, Maria Amélia. Leitura e formação docente nas licenciaturas em Letras e em Pedagogia 1. In: Literatura e educação : história, fomação e experiência / organização Maria Amélia Dalvi ... [et al.]. – Campos dos Goytacazes, RJ: Brasil Multicultural, 2018. 296 p. Disponível em: https://www.academia.edu/download/63530339/ebook_literatura-educacao_historia_formacao_experiencia_020200604-109396-wkd0zw.pdf#page=74 Acesso em 18 de dez de 2023.

BRASIL. Ministério da Educação. Parâmetros Curriculares Nacionais (Ensino Médio). Linguagens, Códigos e suas Tecnologias. Brasília: Secretaria de Educação Básica/MEC, 1997.]

BOTELHO, Thaís Aquino Sigarini. Formação docente: importância do estágio na relação teoria e prática e na construção da identidade. Jornada brasileira de educação e linguagem/encontro do profeduc e profletras/jornada de educação de mato grosso do sul, v. 1, n. 1, 2018.

CASTELLANOS, Samuel Luis Velázquez; OLIVEIRA, Wilson Raimundo de. A cultura escolar democrática no Colégio Universitário da UFMA (1980-1995) Disponível em: https://doi.org/10.4025/rbhe.v21.2021.e160 Acesso em: 18 de dez de 2023.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra,1996.

FREITAS, Suzana Rossi Pereira Chaves de. O processo de ensino e aprendizagem: a importância da didática. FÓRUM INTERNACIONAL DE PEDAGOGIA, VIII, Trabalho curricular apresentado para a disciplina de Didática e organização do trabalho escolar, p. 1-6, 2016.

PINHEIRO, Tarciana Dos Santos et al.. O papel do estágio na formação de professores: as contribuições para a formação na diversidade. Anais I CINTEDI... Campina Grande: Realize Editora, 2014. Disponível em:https://www.editorarealize.com.br/index.php/artigo/visualizar/9036. Acesso em: 18/12/2023

SCALABRIN, Izabel Cristina; MOLINARI, Adriana Maria Corder. A importância da prática do estágio supervisionado nas licenciaturas. Revista unar, v. 7, n. 1, p. 1-12, 2013.

TEIXEIRA, Madalena T.; REIS, Maria F. A organização do espaço em sala de aula e as suas implicações na aprendizagem cooperativa. Revista Meta: Avaliação, v. 4, n. 11, p. 162-187, 2012.

Downloads

Publicado

29.03.2024

Como Citar

Nascimento Barbosa, G., de Sousa Monteiro, E., & Portugal Ribeiro Parada, M. M. (2024). O estágio supervisionado como recurso facilitador de formação docente: desafios e reflexões em aulas de redação: La práctica supervisada como recurso facilitador de formación docente: desafíos y reflexiones en clases de redacción. DISCURSIVIDADES, 14(1), e–1412406. Recuperado de https://revista.uepb.edu.br/REDISC/article/view/2993